sábado, 14 de maio de 2016

TMJ 93 e CBM 32

Sim, já li as edições "Nunca Mais" e "A Onça e o Ouriço", e estou aqui para dar minha opinião sobre elas (uma opinião curta, já que o tempo anda curto). :)

A TMJ 93, "Nunca Mais", foi escrita pelo Marcelo Cassaro. Na história, a Mônica desaparece da memória de todos e somente o Cebola se lembra. Assim, ele tenta convencer Magali e Cascão de que a Mônica existia, e quando enfim consegue provar, os três partem em uma grande expedição para trazê-la de volta. Foi uma edição legal, até, mas não acrescentou nada na história e grande parte dela foi de enrolação, pra só ter mais ação no final. Além do mais, ver MAIS UMA VEZ o Cebola sofrendo não é uma coisa que dê ânimo, né? Eu achava que, tipo, apesar de ele ainda gostar da Mônica, já tinha superado e tal. Mas não, lá vem ele todo depressivo de novo! Por que esse garoto não procura um psicólogo? xD

Já a CBM 32, "A Onça e o Ouriço", é da Petra \o/ Até que enfim ela voltou pro Chico Bento Moço, pena que foi só numa edição :/ A trama girou em torno da visita de Chico Bento e Zé Lelé à cidade de Campos Verdes e de contrabando de animais. Um bandido sequestrou o Chico e a Oncisvalda e planejava matar o Goiabento incendiando o lugar onde ele estava e, depois, a facadas! Ok, não foi nossa-melhor-história-da-vida, mas foi uma edição bem boa, mesmo porque, a última que eu realmente gostei do Chico Moço (tirando essa), foi "Câmera na Mão". Só fiquei com MUITA pena do Zé Lelé no final, porque a Oncisvalda vai ser solta na mata :/ Mas foi uma boa sacada da Petra, porque isso é o certo mesmo.

Sobre os desenhos das histórias: os da TMJ estavam ruinzinhos, mas com algumas páginas bem boas, como 28 e 66. Já os da CBM estavam ótimos. Nas capas, os da TMJ estavam PERFEITOS (Zazo is back \o/) e, do CBM, mais ou menos.

Se fosse fazer uma média, a história da TMJ ficaria com um 8, mais ou menos, e da CBM com 9,5, eu acho. Então, a conclusão é que esse mês foi ótimo em relação às revistas! E daqui a alguns dias temos a revelação da capa da TMJ 94, que é da Petra! \o/