quinta-feira, 3 de julho de 2014

Turma da Mônica nº90

Mais um plano do Cebolinha. Dessa vez, foi feito por acaso. Bom, na fase dos números 20 e 30 da Panini, volta e meia aparecia alguma HQ do Cebolinha e do Bloguinho, às vezes só do Bloguinho. Atualmente, as crianças curtem mais tablets e tal. Com isso, o Bloguinho e o Teveluisão estão a um passo de estar no limbo. A última vez que eu me lembro de ter visto os dois foi em Magali #52, onde eles fazem apenas uma participação especial, mas não tem nada a ver com computador/tevê, eles aparecem contracenando com a Magali e a Denise na praia.


Na história, o acidente do qual a sinopse fala é com o computador do Bloguinho. Dele, saem as carinhas mais famosas do mundo: as emojis. Na verdade, na história, aparece apenas a emoji :) . Na trama, Cebolinha decide fazer com que todos fiquem felizes usando as emojis. Até o Franjinha e o Titi se vestiram de joaninhas e vaga-lumes! Até o Rúfius, o cachorro mais brabo da rua (que teve uma historinha-bastidores só dele, publicada em Mônica #7. Qualquer dia faço uma resenha) e a Carmem da Esquina ficam felizes!


Só não conhecia o homem do tônico da felicidade. E ficou estranho, já que ele não aparece na história antes disso e, se tiver aparecido em outras histórias, o mesmo teria acontecido com o Cebolinha e ele teria percebido. Ficou meio sem lógica. Podem ter confundido com o "soro da invisibilidade" das tiras dos anos 60 e que voltou nos anos 70. Mas aí faz tempo demais e o tônico também não deixava as pessoas felizes. Do miolo, gostei de Rolo, o vendedor, com a Turma da Tina nos traços que estamos acostumados a ver, além de outras, mas gostei bastante dessa. A história de encerramento que gostei é O ataque da menina mais forte do mundo, um plano infalível do Cebolinha. Muito bom também.


Bom, aproveito a resenha para falar de uma coisa: não acho que as revistas Monica's Gang e Mónica y su Pandilla devam ter o mesmo conteúdo da Turma da Mônica. Acho falta de criatividade da MSP em procurar histórias. Além disso, nas HQs mais antigas, tinham normalmente 7 ou 8 quadrinhos por página, atualmente tem cerca de 5. Ou seja, deve ser preguiça. E outra coisa: desde a edição 45 a revista passa a se chamar Turma da Mônica, ao invés de Turma da Mônica - Uma Aventura no Parque da Mônica. Atualmente, há a Ilha Misteriosa do Cascão, e acho que deveriam rebatizar a revista de Turma da Mônica - Uma Aventura na Ilha Misteriosa, com histórias se passando normalmente ali. É uma boa, e não fica com conteúdos repetitivos (está parecendo uma mensal da Marina ou Cebolinha). É isso.